Amélia

Amélia

não era mais mulher de verdade.

não tocara mais o amor,
tocara seu amor, mas este, já não a sentira mais.

não importava a sua vaidade,
não era mais notada
só servira para tomar nota do que só uma boa “Amélia” faz.

não te pintas Amélia,
te machucarás mais por não ser notada
dormirás seca
guarda tuas armas e crê que elas, só elas, ainda podem te salvar do teu infito sertão, escasso de estrelas.

pobre Amélia.
já fora estrela, dela, dele, molhada,
notada
de verdade.

Morre pra viver Amélia.
só assim serás notável.

ou não.

L.L.

Foto: Gregg Delman
Dançarina: desconhecida

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s