Éter

Queria falar sobre a beleza dos sentidos; 
Queria falar sobre a beleza do instinto;
Queria falar sobre a beleza da inspiração; 
Queria falar sobre a beleza do sonho; 
Queria falar sobre a beleza da garra, do treino da dedicação...
Queria falar sobre a beleza da concretização; 
Queria falar sobre a beleza do teu olhar, da tua respiração, do teu nervoso,
da tua falta de armadura, dessa tua entrega, tão éter...
Queria falar sobre a beleza do ser, da divisão, da soma, do multiplicar; 
Queria falar sobre a beleza do tocar, do ir além sim,
pois somos "todos" capazes e humanos; 
Queria falar sobre a beleza do teu grito que sempre corrói;
e do teu silêncio, sempre tão certeiro, preciso e desprendido; 
Queria falar sobre a beleza do infinito...
Queria apenas conseguir falar tudo e nada... e assim, 
no embalo do sentir e ser...
Queria apenas falar sobre a beleza de um encontro, de uma noite,
de um dia, de um elo, de uma admiração, de uma surpresa, de um frio
na barriga, de um gole, de um abraço, de um sorriso...
Queria apenas falar sobre a beleza de um beijo à uma lágrima que só,
sorria e rosnava,
cantava, alegria.

Queria apenas falar-te:
- Amo-te.

L.L.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s